Programa de Estágio

Educadores Ambientais do Instituto Estre

O que é

É uma oportunidade de estágio no Programa de Educação Ambiental do Instituto Estre, que oferece bolsa-auxílio e outros benefícios.

Quem participa

Jovens universitários de diversas áreas do conhecimento, que estejam cursando os anos iniciais da graduação em nível superior.

Como funciona

Periodicamente são oferecidas vagas de estágio nos Centros de Educação Ambiental (CEA) do Instituto Estre. Os interessados se inscrevem e participam de um processo seletivo. Os universitários selecionados fazem estágio por dois anos, tendo como responsabilidade as rotinas administrativas do CEA, a organização das atividades do Núcleo de Estudos de Educação Ambiental e a condução das Oficinas Pedagógicas, programas que anualmente atendem mais de 50 mil pessoas entre professores e alunos da Educação Básica.

Todos os estagiários são preparados para atuar como educadores ambientais e para exercerem as demais atribuições de sua função. Além dos momentos de integração e da formação inicial para conduzir as Oficinas Pedagógicas, os jovens participam de um grupo de estudos sobre assuntos ligados à Educação Ambiental e de um percurso formativo que aborda questões relativas à gestão compartilhada, processos participativos e outros temas importantes para a convivência em grupo e o sucesso do trabalho em equipe.

Qual a importância?

O estágio se configura numa oportunidade repleta de novidades para os universitários, não só porque a maioria está ingressando no mercado de trabalho, mas porque muitos deles têm, pela primeira vez, a chance de trabalhar na área da Educação.

A possibilidade de integrar estudantes de diferentes cursos e de oferecer além da formação inicial um percurso formativo para discutir e vivenciar processos participativos, que visam construir coletivamente o próprio espaço de trabalho e as ações que nele ocorrem tornam ainda mais singular e enriquecedora a experiência do estágio.

Histórico

O Instituto Estre oferece oportunidade de estágio para estudantes universitários antes mesmo de existirem os CEAs e o Programa de Oficinas Pedagógicas. A princípio, os estagiários eram responsáveis pelo atendimento do público que solicitava visitas expositivas ao Aterro Sanitário da Estre, localizado na cidade de Paulínia (SP).

A partir de 2007 - com o aumento da demanda por essas visitas e a necessidade de se construir um espaço apropriado e de se elaborar um programa com oficinas direcionadas ao público crescente - a atuação dos estagiários foi ampliada.

De lá para cá, todo o processo que envolve os estagiários, desde a contratação, as ocupações diárias até a qualidade das formações oferecidas tem sido aprimorado. O debate e a reflexão constantes sobre como melhorar as condições de trabalho e tornar cada vez mais consistente o percurso formativo possibilitou que a proposta de estágio evoluísse. As atividades a serem desenvolvidas, a própria organização do espaço e os temas de estudo, que antes eram decisões tomadas, exclusivamente, por uma equipe diretiva, são agora construções coletivas.

Até o final de 2015, 52 jovens já participaram do Programa de Estágios do Instituto Estre, nas cidades de Paulínia (SP), Fazenda Rio Grande (PR)